A Rota Romântica na Alemanha

Foram três dias fazendo a Rota Romântica de carro, realizando um sonho de muito tempo atrás. A Rota Romântica é a Rota mais famosa da Alemanha, uma região com cidadezinhas como Rothenburg, Würzburg, o Castelo Neuschwanstein e muitas outras que parecem saídas dos contos de fadas, tudo muito bem preservado e cuidado.

img_7399

Na Alemanha nasceram os irmãos Grimm, criadores da imensa maioria dos contos de fadas que conhecemos, como Cinderela, Chapeuzinho Vermelho, Branca de Neve, Rapunzel, João e Maria, O Pequeno Polegar, A Bela Adormecida e inúmeros outros personagens. Tanto é, que a Alemanha é repleta de cenários de contos de fadas e existe até uma outra Rota, chamada Rota dos Contos de Fadas, que percorre pela cidade onde nasceram os irmãos Grimm, e lugares em que moraram e que se inspiraram!

Voltando à nossa Rota, ela foi criada pelos alemães para incentivar o turismo na região, no pós Segunda Grande Guerra, há cerca de 60 anos. Deu tão certo que é um dos passeios mais famosos da Alemanha e do Mundo.

20160508_143522img_740620160507_105827

São 380km, espalhados por 27 cidades, que vão de Würzburg à Füssen. Dali você pode seguir pela Rota dos Alpes, até Garmisch-Partenkirchen. Foi isso que fizemos.

Abaixo vou falar como foram nossos dias, mas não considero que seja o ideal, pois ficaria melhor com pelo menos um dia a mais. Lembro que, na minha opinião, a cereja do bolo é a cidade de Rothenburg ob der Tauber. A escolha de Rothenburg como base, onde ficamos por três noites, é a Escolha Perfeita.

No dia de nossa chegada, havíamos deixado Nüremberg, deixamos as coisas no Hotel, em Rothenburg, e fomos fazer um bate-volta à Heidelberg. Foi cansativo para todos, tanto que no dia seguinte metade do grupo preferiu ficar em Rothenburg.

Dia 1

Acordamos e fizemos o lado norte da Rota Romântica, saindo de Rothenburg.

Saímos pela estradinha da Rota Romântica até Cregligen, que não tem grandes coisas, sua fama vem da Igreja Herrgottskirche e do Altar em madeira, entalhado entre 1505 e 1510, por Tilman Riemenschneider. Vale a pena pagar os dois euros para entrar. Você não precisa entrar em Creglingen, pois a Igreja fica na estrada e tem muitos carros e ônibus parados na frente.

img_8513

img_8517
Retrato da Ascenção de Maria

Saímos pela estradinha da Rota Romântica até Bad Merghentheim, pequenina cidade, cuja atração principal é o Castelo dos Cavaleiros da Ordem Teutônica. Era um fim de semana e estava tendo uma festa na Bela cidadela. A vontade de passar o dia por ali foi grande.

img_8622

img_8650
Bad Merghentheim

As plaquinhas “Romantische Strasse” fazem um tremendo sucesso e é obrigatório fazer uma parada para a foto clássica.

img_8541

Pela Rota fomos até Würzburg, maior cidade da Rota Romântica que tem post próprio aqui. O Residenz de Würzburg faz parte do Patrimônio Mundial da Humanidade da UNESCO. Na volta, pegamos a autobahn e logo chegamos de volta, em Rothenburg.

img_8757
Würzburg

Dia 2

Dia de ficar em Rothenburg, que é para mim, o melhor do melhor da Rota Romântica. Cidade Medieval Murada que é uma delícia e uma beleza! Na minha opinião vale a pena ficar apenas em Rothenburg. Ela gerou vários posts, o principal é esse aqui.

2016-11-13-11-27-57

img_8874
Rothenburg com festinha no Plönlein

Dia 3

Então, veio a difícil despedida  de Rothenburg, e, com ele, mais uma dia puxado em direção ao Sul, passando pelo Castelo Neuschwanstein, mas com destino final nos Alpes alemães.

A ideia era parar em Dinkelsbühl e Landsberg am Lech, mas como saímos depois das 9h, num dia que era para termos saído bem cedo, pulamos Dinkelsbühl e só demos uma volta de carro em Landsberg am Lech.

img_8934

img_8935
Landsberg am Lech

Tocamos para um lugar que encontrei por acaso, mas que você deve incluir no seu roteiro. A Wieskirche é uma Igreja localizada em lugar belíssimo, ela faz parte do Patrimônio Mundial da Humanidade da UNESCO, e tem post próprio aqui.

img_9038

img_9003
Wieskirche

Depois da Wieskirche, paramos na estrada para fazer como os alemães! Almoçar na Estrada, sanduíches de queijos e salames. Já ouviu aquela frase? “Uma vez na Alemanha, faça como os alemães”. Todo mundo adorou. Sempre coloco isso no Roteiro, quando estou de carro pela Alemanha.

img_9065img_9066img_9067

img_9070

img_9072
Almoço na Estrada é Sucesso Total! Vem Comigo!

Já avistando os Alpes, seguimos para Füssen e o Castelo de Neuschwanstein. Quando chegamos nele, já não havia como fazer a visita por dentro. Eu já fiz em outra ocasião (dura 30 minutos) e não acho que valha tanto a pena, principalmente se tiver a oportunidade de conhecer o Residenz, em Munique. O melhor do Neuschwanstein é visitar o Lago Alpsee, e apreciar o Castelo da Marienbrücke. Para chegar na Marienbrücke é melhor subir de ônibus, porque a charrete te deixa num ponto mais abaixo. Só de curiosidade, o Neuschwanstein é o local mais fotografado da Alemanha. Veja o post principal do Castelo Neuschwanstein aqui.

img_9074img_9081

img_5691

img_7800

img_5697
Castelo Neuschwanstein e Lago Alpsee

Dependendo de como organizar sua Viagem, inclua a visita interna ao Palácio Linderhof. Eu nunca fui, mas pelo que li é mais bonito e interessante do que o Neuschwanstein por dentro. Está na lista.

img_5626

img_5475
Garmisch

Depois do Neuschwanstein, seguimos para nosso destino final, Garmisch-Partenkirchen, já na Rota dos Alpes, pois, o dia seguinte, foi dia de subir os Alpes, no Zugspitze, que é um passeio nível imperdível. Hoje, não me hospedaria em Garmisch, mas em Mittenwald que é uma linda cidade alpina e fica pertinho de Garmisch.

Na saída do Castelo aconteceu uma surpresa. A estrada que deveríamos pegar estava fechada, mas isso acabou por nos trazer uma gigantesca surpresa! Tivemos que ir por trás das montanhas, onde está o Neuschwanstein, em território austríaco. Quando chegamos na fronteira, já paramos num postinho de gasolina e compramos o selo do pedágio, que custa 8euros para dez dias. Como ainda iríamos à Salzburg, Hallstatt, na Áustria, ficou redondo. A gigantesca surpresa é que a estrada para Garmisch, indo pela Áustria é deslumbrante! Montanhas Alpinas ainda cheias de neve, em maio. Todo mundo de queixo caído apreciando aquela maravilha. Sempre vou por esse caminho à partir de agora! Para ir por este caminho, coloque no GPS cidades como “Pflach” e “Heiterwang”, antes do destino final “Garmisch- Partenkirchen”.

A Rota Romântica é um lugar perfeito para uma Viagem em rítmo lento, então, se tiver mais dias aproveite-os bem. Valorize Rothenburg se tiver pouco tempo, ela é o corpo e a alma da Rota Romântica. Se puder encaixe os Alpes em sua Viagem e visite o Zugspitze – O Topo da Alemanha..

Clica aqui para ver o site oficial da Rota Romântica da Alemanha.

Veja os outros posts que têm tudo a ver com a Rota Romântica:

ROTHENBURG

WÜRZBURG

NEUSCHWANSTEIN

WIESKIRCHE

LETREIROS DE FERRO FORJADO

Gostou? Deixe suas dicas, dúvidas, críticas ou elogios nos comentários, por favor.

17 comentários em “A Rota Romântica na Alemanha

  1. Maravilha a rota romântica, as fotos são lindíssimas. Está no meu próximo roteiro.Obrigada pelas fotos estão lindíssimas. Meu fotógrafo favorito.

    Curtido por 1 pessoa

  2. Fotos espetaculares,lugares lindos e sua descrição da viagem faz com que tenhamos vontade de conhecer in loco ,pois conseguimos imaginar os lugares só pela leitura das suas palavras.Voce escreve com alma e muito amor pelo que faz, parabéns!!!!

    Curtido por 1 pessoa

  3. Estou impressionada,Wladimir, com sua competencia e versatilidade em organizar roteiros viaveis. Parabens, vc nasceu pra seduzir a gente com estas viagens lindas. Bj

    Curtido por 1 pessoa

  4. Olá!
    Estou indo morar na Alemanha no fim deste ano e adorei as suas dicas!
    Quando eu obtiver mais detalhes sobre onde irei ficar, com certeza te pergunto melhor outros detalhes de lá.
    Parabéns pelo blog.
    Não deixe de conhecer e seguir o meu blog: meuguiamundo
    Bjss

    Curtido por 1 pessoa

  5. Olá!
    Eu, meu marido e um casal de amigos fizemos a Rota Romântica agora, em maio. Maravilhoso! Muito boas suas dicas.
    Se me permite uma sugestão: sempre fazer reserva antecipada , via Internet, para não perder atrações (como entrar no castelo de Neuschwanstein).
    Boas viagens.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s