Ronda – A Rainha dos Pueblos Blancos

Quer uma dica excelente da Espanha? Vá a Ronda, a Rainha dos Pueblos Blancos! A cidade de Ronda, me lembrou a praiana Búzios, só que sem praia e acima de um precipício. A cidade tem um clima de cidade de fim de semana e nossa vontade era ter ficado por lá descansando, pelo menos uns cinco dias!

Ronda e os Pueblos Blancos, apareceram mais fortemente para o mundo do turismo há pouco tempo, mas, em outras épocas já foi muito conhecida e frequentada por dois famosos, o Nobel de Literatura Ernest Hemingway, que a imortalizou em uma das cenas mais fortes de “Por Quem os Sinos Dobram”; e Orson Welles, criador do filme Cidadão Kane, entre outros. Este último teve suas cinzas jogadas no local. Tanto Hemingway como Welles, curtiram longas temporadas na cidade.

Ronda, também tem importância Histórica. Foi lá que construíram a primeira grande Praça de Touros da Espanha, em 1785, por Martin de Aldehuela. Na Praça de Touros de Ronda surgiu o homem que fez do toureio uma forma de arte, Pedro Romero. Por essas, Ronda é tida como a cidade-berço das touradas.

IMG_8509

Na cidade mais visitada dos Pueblos Blancos fica a Puente Nuevo, esta ponte é o local mais fotografado de toda a Rota dos Pueblos Blancos. A obra do século XVIII une a cidade velha à nova e fica sobre o desfiladeiro do Tajo, com mais de 100 metros de altidude.

Se quiser pular as informações históricas desce direto para VIAJA DAQUI ou O que fazer em Ronda.

Em Ronda já foram encontradas pinturas rupestres que remontam a Era Neolítica (10.000 à 3.000 a.c.). Os Celtas a chamaram de Arunda, já por volta do século VI a.c. Conquistada pelos Fenícios, passou a se chamar Runda.

Porém, Ronda, somente foi transformada em cidade após as Guerras Púnicas, entre romanos e cartagineses, no século III a.c.

No fim do século V, com a queda do Império Romano, foi tomada pelos Suevos, passando depois a um período Bizantino, até ser abandonada e integrada ao Reino Visigodo. Na idade média, com a invasão Muçulmana, em 711, Ronda abriu suas portas, sem travar batalhas e a cidade passou a chamar-se Izn-Rand Onda (A Cidade do Castelo), transformando-se na capital andaluza de Takurunna.

IMG_8797

Com o fim do Califado de Cordoba (1031), passa a ser um Reino independente, a Taifa de Ronda. Pedíodo de grandes obras na cidade.

Em 1485, o Rei Fernando toma a cidade e transforma diversas obras, destruindo outras. No século XVIII, a cidade recebeu suas duas obras de maior importância, a Puente Nuevo e a Plaza de Toros.

As invasões Napoleônicas, em 1810, deixaram muitos estragos em Ronda, além da dificuldade de sobreviver, foi a partir de então que apareceu a cultura dos Bandoleros – Bandidos-, que saqueavam e contrabandeavam. Muitos escritores frequentaram Ronda e esse comportamento dos Bandoleros da Espanha trouxe muita inspiração aos diversos escritores que iam a Ronda para misturar ficção e realidade. Muitos filmes de Bang-Bang de Hollywood se inspiraram nas Histórias desses personagens.

VIAJA DAQUI ou O que fazer em Ronda

20150519_045851
Vista da sacada de “casa”

IMG_8464IMG_8466

IMG_8814
O Parador de Ronda na outra esquina

IMG_8443IMG_8448

Comece pelo ponto principal, a Puente Nuevo. Se puder fique no apartamento que está no Airbnb com vista para ela, será ótimo e o anfitrião José Antonio é muito atencioso com várias dicas da cidade! Se puder cacifar o Parador de Ronda $$, do outro lado da rua, melhor ainda! Jante num dos muitos restaurantes que estão de frente para a Puente. A Puente Nuevo é uma obra impressionante do século XVIII, que une a cidade velha e a nova, sobre o penhasco do Tajo, com mais de 100 metros de altidude. Construída por Martín de Aldehuela, que também construiu a Plaza de Toros.

A Puente Nuevo é o objeto mais fotografado na Ruta de los Pueblos Blancos! Tire fotos de angulos diferentes, em volta dela e seja feliz! Como pode ver acima, eu larguei o dedo nas fotos!

IMG_8429IMG_8750IMG_8712IMG_8764

IMG_8756
Azulejos na escada para as arquibancadas contam Histórias locais

IMG_8726

IMG_8731
Sabe quando eu teria coragem de enfrentar um Touro? Nunca! 😛

IMG_8749

IMG_8778
Pequeno Museu

Depois da Puente Nuevo, vá para a Plaza de Toros de Ronda, a mais antiga Praça de Touros da Espanha, finalizada em 1785. A obra é de Martin de Aldehuela. São 136 colunas formando 68 arcos de colunas toscanas. A elegância de seu interior é tida como única entre todas as outras praças de touros existentes. Se você está pensando: Ih! O Vladimir é fã de Touradas!; O cruel! Não tem pena do bicho! Malvado!… hahaha… Digo que eu não sou fã de Touradas, mas visitar o interior da Plaza vale a pena. Faz parte da cultura deles e conhecer a cultura do meu destino sempre faz parte do meu roteiro de Viagem!

IMG_8415IMG_8418

IMG_8424
Alameda del Tajo

Saindo da Plaza de Toros, pela Calle Virgem de la Paz, vire à esquerda e dê um passeio para espairecer a mente na Alameda del Tajo. Nela você irá tirar belas fotos e encontrar mais um “Mirador com linda vista”.

IMG_8411IMG_8472

IMG_8470
Plaza del Socorro

Passe novamente pela Plaza de Toros. Do mirante da Alameda del Tajo, você vai passar por trás da Plaza e siga até a agradável e simpática Plaza del Socorro. Tome um café, uma cerveja ou descanse um pouco.

IMG_8792
Carretera Espinel

Siga para a Carretera Espinel, uma rua de pedestres muito movimentada e com bastante comércio.

IMG_8401

IMG_8408
Show de Celia Morales

Se estiver bem disposto e com tempo, vá ao Show de Celia Morales e seu Violão Flamenco. É um pequeno Show, intimista! Eu me amarrei, mas, não foi uma unanimidade, viu?

IMG_8479IMG_8497

No dia seguinte, no início do bate-volta à Zahara de la Sierra e Setenil de las Bodegas, passe pelo que chamamos de Mirador de Baixo, claro que este não é o nome dele, mas, estando de carro, dê um pulo até lá!!! Vá para a Carretera de Los Molinos e dirija até pegar um bom ângulo da Ponte Nuevo, por baixo. Rende boas fotos e o caminho, na rua de terra é relativamente aventureiro…! Dá para fazer esse caminho a pé por uma trilha, saindo lá de cima. Manda Brasa!

Achamos Ronda e seus arredores espetaculares e já programamos uma volta! Posso dizer que é um lugar imperdível se for Viajar pela Espanha.

Quer ter esse roteiro com Mapas e endereços? Solicite pelo email viajadaqui@gmail.com

Veja os posts que têm tudo a ver com Ronda:

GRAZALEMA

ZAHARA DE LA SIERRA

SETENIL DE LAS BODEGAS

Tem mais alguma dica? Dúvidas? Me faz Feliz e escreva um comentário, vai? 😀

Anúncios

6 comentários sobre “Ronda – A Rainha dos Pueblos Blancos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s