Festa Medieval em Châtenois, na Alsácia

Em uma das vezes em que fiz a Rota dos Vinhos da Alsácia esbarrei numa “Cidadelinha bem Pequeneninha” e nesta Cidadelinha bem Pequeneninha estava tendo uma enorme Festa Medieval.

Alsacia 2016 (97)

Alsacia 2016 (129)

Nem piscamos e paramos, mudamos o Roteiro do dia tirando uma cidade da Rota dos Vinhos daqui, um pouco de tempo de Colmar dali e passamos umas três horas por lá vendo o movimento, as apresentações, as diversões, a comida, enfim, tudo que a Alsácia tem de melhor para oferecer em dia de Festa! Continuar lendo “Festa Medieval em Châtenois, na Alsácia”

Colmar é a Queridinha da Alsácia

Estive em Colmar por três vezes, sempre encerrando os dias de bate-volta na Rota do Vinho da Alsácia. Sempre como bate-volta desde Strasbourg.

Alemanha, Alsacia e Austria (1113)

Confesso que Colmar foi uma das cidades que ficou abaixo da minha expectativa e olha que é difícil isso acontecer. Lia tanto que Colmar era a melhor base na Alsácia, mas, comparativamente a Strasbourg, acho que deixa muito a desejar, pois, Strasbourg é incrível. Bom! Essa é minha opinião.

Sempre chego em Colmar por volta das 16h e aconselho o Pessoal a fazer o Passeio no Trenzinho Turístico que dá uma volta pela cidade. Colmar tem alguns pontos bem agradáveis.

A Cidade é pequena e considerada uma pérola da Alsácia.

Alemanha, Alsacia e Austria (1107)

Banhada pelo rio Lauch, fica a aproximadamente 20km a leste do rio Reno. Como toda a região, se alternou ao longo dos séculos, nas mãos dos alemães e franceses, em épocas de domínio alemão era conhecida como Kolmar.

Formada no século IX, era uma das dez cidades que formavam a Decápole da Alsácia. Durante a Segunda Grande Guerra Mundial, foi a última cidade a ser liberada das forças alemãs, após uma longa resistência.

O escultor Frédéric Auguste Bartholdi (1834-1904), nasceu na cidade. Foi ele quem construiu a Estátua da Liberdade de Nova Iorque.

VIAJA DAQUI ou O que fazer em Colmar:

O principal a se fazer em Colmar é andar pelas ruazinhas do Centro Histórico, que não é tão pequenino como se pode pensar. Apesar de eu colocar alguns pontos aqui, lembro que só fiz os pontos por onde o Trenzinho Turístico passa, que incluem os pontos abaixo.

Alemanha, Alsacia e Austria (1108)Alemanha, Alsacia e Austria (1110)Alemanha, Alsacia e Austria (1111)Alemanha, Alsacia e Austria (1114)Alemanha, Alsacia e Austria (1121)Alemanha, Alsacia e Austria (1134)Alemanha, Alsacia e Austria (1129)Alemanha, Alsacia e Austria (1124)

A Petite Venise, a Pequena Veneza de Colmar é o mais famoso Bairro do Centro Histórico e é repleta de restaurantes e lojas, sendo atravessado por um canal que oferece passeios de barco. Parece um ótimo lugar para parar e curtir a atmosfera da Cidade.

O Marché Couvert é o Mercado Coberto de Colmar que merece uma visita.

Palacete que chama a atenção, a Maison Pfister é um dos símbolos da cidade, foi construída em 1537, sendo uma joia da arquitetura e também Monumento Francês.

A principal Igreja da cidade e considerada Monumento Francês é a Igreja Gótica de San Martin.

A Casa das Cabeças, Maison dés Tetes, funciona como hotel e tem diversas cabeças esculpidas na fachada. Construída em 1609.

Outras Atrações:

Musée Unterlinden possui uma obra visitada por pessoas do Mundo inteiro: Rétable d’Issenheim de Mathias Grünewald e Niklaus von Hagenau. Considerada uma das obras mais dramáticas e belas do gótico. Feita entre 1490 e 1510, esta obra inspira artistas até os dias de hoje. Site aqui.

Museu Bartholdi: Museu em homenagem ao escultor da Estátua da Liberdade. Site aqui.

Veja outros posts que têm tudo a ver com Colmar nos links abaixo:

RIBEAUVILLÉ

OBERNAI

FESTA MEDIEVAL EM CHÂTENOIS

MITTELBERGHEIM

Gostou? Tem dúvidas, dicas, elogios ou críticas? Por favor, deixa pra gente nos comentários. Obrigado de coração por visitar o blog Viaja Daqui.

Ribeauvillé, na Rota dos Vinhos da Alsácia

A cidade é puro charme embrulhada para presente. Um centrinho histórico muito bem preservado e pequenino com a vista das ruínas de um Castelo ao fundo, no topo de uma Montanha. Pelo que vi nos estudos para o post são três ruínas de Castelos dos Lordes de Ribeaupierre, mas só tem um Castelo bem visível.  No Centro Histórico tem uma Casa que mantém permanentemente um grande ninho de Cegonha no telhado, torres, portões e Casinhas de Contos de Fada. Ribeauvillé é muito fotogênica e Romântica.

Alsacia (88)

Se quiser conhecer outras Cidades da Rota dos Vinhos da Alsácia saiba que é possível conhecer Ribeauvillé em aproximadamente uma hora. Continuar lendo “Ribeauvillé, na Rota dos Vinhos da Alsácia”

Obernai, na Rota dos Vinhos da Alsácia

Com mais de 10.000 habitantes pode ser considerada uma cidade grande da Alsácia. Ela é a cidade mais próxima a Strasbourg e se tiver pouco tempo ou não queira ir muito longe esta é a melhor cidade. apesar de que ela está longe de ser uma das mais queridas, na minha opinião.

Strasbourg e Alsacia - Pequeno - 2018 - 9 (30)

Uma coisa bacana na cidade é que ela tem boa estrutura e restaurantes. Uma vez almocei muito bem em Obernai, no Restaurante La Halle Aux Bles, clica aqui e vai lá. Continuar lendo “Obernai, na Rota dos Vinhos da Alsácia”

Mittelbergheim e a Vinícola Boeckel

Mittelbergheim entrou no Roteiro por ser o local onde um Amigo do Grupo que levava para a Alsácia, Danilo Boeckel, perguntou da possibilidade de incluir no Roteiro uma “passada” por lá. Depois de ver que Mittelbergheim faz parte da lista das Mais Belas Aldeias da França e de ver que a Domaine Boeckel é muito bem conceituada, coloquei no Roteiro.

Alsacia (43)

Alsacia (36)

Alsacia (15)

A Rota dos Vinhos da Alsácia é repleta de cidadelas para se visitar e ainda quero conhecer todas. O nome Mittelbergheim é uma ótima amostra de como esta Região da França ainda tem muitas raízes alemãs. Vale lembrar que a Alsácia trocou de mãos várias vezes e alguns moradores chegaram a ter suas identidades trocadas quatro vezes durante suas Vidas. A Alsácia passou definitivamente para os Franceses após a Segunda Guerra Mundial. A cidadela tem 3,83km de extensão e tinha 653 habitantes em 2010.

Continuar lendo “Mittelbergheim e a Vinícola Boeckel”

Fazenda da Taquara, Barra do Piraí, próximo a Vassouras, Rio de Janeiro

A Fazenda da Taquara é uma Fazenda simples se comparada a outras Fazendas que estão por perto, mas ela tem um Grande porém! Trata-se de uma Fazenda que está na Família há quase 200 Anos. Seu proprietário João Carlos Streva é um Cara Muito Bacana, que fala da História da Região com muita propriedade. Seu Filho Marcelo Streva é quem cuida da Fazenda e da Memória da Família com dedicação total.

Fazenda da Taquara 2019 (18)

Apesar de ser a Fazenda mais simples das que visitei durante o Festival do Vale do Café, foi a que muitos e muitas de meu Grupo mais gostaram e eu estou com eles e elas, também foi uma das que mais gostei! Que visita bacana! Que Aula de História! Obrigado, Marcelo! Continuar lendo “Fazenda da Taquara, Barra do Piraí, próximo a Vassouras, Rio de Janeiro”

Museu Casa da Hera, em Vassouras

Na outra vez em que havia estado em Vassouras tentei visitar a Casa da Hera, mas a Casa estava fechada para minha decepção. Na vez seguinte me programei para garantir a visita. A Casa da Hera fica fechada aos sábados e domingos pela manhã, então, se estiver por lá no fim de semana, programe-se para ir à tarde.

Casa da Hera 2019 (7)

A Casa é um grande exemplar do período do Café na região e muito bem cuidada. Pena que fotos são proibidas em seu interior. Continuar lendo “Museu Casa da Hera, em Vassouras”

Fazenda do Secretário, Vassouras, Rio de Janeiro

O Caminho para se chegar na Fazenda do Secretário é ermo com um longo e belo trecho de Estrada de Terra. Isso dá um toque todo especial a Maravilha que encontramos ao chegar em um terreno belíssimo com um verdadeiro Palacete para se apreciar. Amei a visita e este lugar que rende Linda Fotos.

Fazenda do Secretario 2019 (19)

Existe mais de uma História para falar da origem do nome da Fazenda do Secretário. Acho que o melhor é Você ir até lá e ver qual se encaixa melhor com Você! Continuar lendo “Fazenda do Secretário, Vassouras, Rio de Janeiro”

Fazenda Mulungu Vermelho, Vassouras, Rio de Janeiro

A Fazenda Mulungu Vermelho, que antes se chamava Fazenda São Francisco, vem dos primórdios da Plantação de Café no Vale do Paraíba, enquanto a construção do Solar de São Francisco é de 1831.

Fazenda Mulungu 2019 (7)

Com cerca de 280.000 pés do Grão se tornou rapidamente uma das mais ricas de Vassouras e Região. Toda essa expansão teve início quando estas Terras foram cedidas ao Capitão Antônio Luiz dos Santos e Sua Esposa, Luíza Maria Angélica, através do esquema de Sesmaria, que era um instituto jurídico Português que regulava a distribuição de Terras voltadas a Produção Agrícola. Continuar lendo “Fazenda Mulungu Vermelho, Vassouras, Rio de Janeiro”

A Agradável Ilha Margarita em Budapeste

Ilha Margarita! Agradável Parque em Budapeste

Coloquei a Ilha Margarita ou Margitsziget no Roteiro de Budapeste sem maiores intenções ou expectativas. Eu nem sabia se teria tempo para ir nela. No final das contas estou aqui escrevendo um post sobre esse lugar que marcou demais!

img_3724
Jardim Japonês

 

O nome surgiu em homenagem a Princesa Margit, que foi prometida a ter uma vida devotada a religiosidade, se os húngaros se livrassem

Continuar lendo “A Agradável Ilha Margarita em Budapeste”