A Medieval Monterrigioni

Monterrigioni foi construída no século XIII para defender as fronteiras ao norte de Siena contra as invasões florentinas. Os grandes blocos de pedra das muralhas e suas 14 torres foram imortalizadas na “Divina Comédia”, de Dante Alighieri (1265 à 1321). Lá, na parte do Inferno, Dante escreveu “Sobre o muro arredondado, Monteriggioni é coroada por torres, então na margem infernal que o fosso circunda, guerreavam os terríveis gigantes, apenas com a metade do seu corpo encouraçado“.

Italia 2019 (867)Italia 2019 (869)Italia 2019 (877) Continuar lendo “A Medieval Monterrigioni”

Pienza! Ótima Pedida no Val d’Orcia

Pienza é uma ótima cidade para uma parada em um Passeio pelo Val d’Orcia, na Toscana. Graças a seu ponto estratégico e, principalmente, a sua importância arquitetônica nos estilos Renascentista e Gótico. Por estas e outras seu Centro Histórico faz parte do Patrimônio Mundial da Humanidade da UNESCO.Italia - Toscana 2019 (780)Italia - Toscana 2019 (782) Continuar lendo “Pienza! Ótima Pedida no Val d’Orcia”

Festa Medieval em Châtenois, na Alsácia

Em uma das vezes em que fiz a Rota dos Vinhos da Alsácia esbarrei numa “Cidadelinha bem Pequeneninha” e nesta Cidadelinha bem Pequeneninha estava tendo uma enorme Festa Medieval.

Alsacia 2016 (97)

Alsacia 2016 (129)

Nem piscamos e paramos, mudamos o Roteiro do dia tirando uma cidade da Rota dos Vinhos daqui, um pouco de tempo de Colmar dali e passamos umas três horas por lá vendo o movimento, as apresentações, as diversões, a comida, enfim, tudo que a Alsácia tem de melhor para oferecer em dia de Festa! Continuar lendo “Festa Medieval em Châtenois, na Alsácia”

Ribeauvillé, na Rota dos Vinhos da Alsácia

A cidade é puro charme embrulhada para presente. Um centrinho histórico muito bem preservado e pequenino com a vista das ruínas de um Castelo ao fundo, no topo de uma Montanha. Pelo que vi nos estudos para o post são três ruínas de Castelos dos Lordes de Ribeaupierre, mas só tem um Castelo bem visível.  No Centro Histórico tem uma Casa que mantém permanentemente um grande ninho de Cegonha no telhado, torres, portões e Casinhas de Contos de Fada. Ribeauvillé é muito fotogênica e Romântica.

Alsacia (88)

Se quiser conhecer outras Cidades da Rota dos Vinhos da Alsácia saiba que é possível conhecer Ribeauvillé em aproximadamente uma hora. Continuar lendo “Ribeauvillé, na Rota dos Vinhos da Alsácia”

Obernai, na Rota dos Vinhos da Alsácia

Com mais de 10.000 habitantes pode ser considerada uma cidade grande da Alsácia. Ela é a cidade mais próxima a Strasbourg e se tiver pouco tempo ou não queira ir muito longe esta é a melhor cidade. apesar de que ela está longe de ser uma das mais queridas, na minha opinião.

Strasbourg e Alsacia - Pequeno - 2018 - 9 (30)

Uma coisa bacana na cidade é que ela tem boa estrutura e restaurantes. Uma vez almocei muito bem em Obernai, no Restaurante La Halle Aux Bles, clica aqui e vai lá. Continuar lendo “Obernai, na Rota dos Vinhos da Alsácia”

Mittelbergheim e a Vinícola Boeckel

Mittelbergheim entrou no Roteiro por ser o local onde um Amigo do Grupo que levava para a Alsácia, Danilo Boeckel, perguntou da possibilidade de incluir no Roteiro uma “passada” por lá. Depois de ver que Mittelbergheim faz parte da lista das Mais Belas Aldeias da França e de ver que a Domaine Boeckel é muito bem conceituada, coloquei no Roteiro.

Alsacia (43)

Alsacia (36)

Alsacia (15)

A Rota dos Vinhos da Alsácia é repleta de cidadelas para se visitar e ainda quero conhecer todas. O nome Mittelbergheim é uma ótima amostra de como esta Região da França ainda tem muitas raízes alemãs. Vale lembrar que a Alsácia trocou de mãos várias vezes e alguns moradores chegaram a ter suas identidades trocadas quatro vezes durante suas Vidas. A Alsácia passou definitivamente para os Franceses após a Segunda Guerra Mundial. A cidadela tem 3,83km de extensão e tinha 653 habitantes em 2010.

Continuar lendo “Mittelbergheim e a Vinícola Boeckel”

O que fazer em Chiang Rai

Localizada no extremo norte da Tailândia foi fundada em 1262 pelo Rei Mangrai para ser a capital daquela Dinastia. Conquistada, posteriormente, pela Birmânia – atual Myanmar – que manteve seu domínio por centenas de anos. Somente após 1786, Chiang Rai ficou subordinada à Chiang Mai, tendo sido proclamada uma província da Tailândia apenas em 1933.

IMG_0291

Em Chiang Rai está o famoso Templo Branco. Também, fica a cerca de 1h30 do Triângulo Dourado que é o encontro de três países: Tailândia, Laos e Myanmar. Continuar lendo “O que fazer em Chiang Rai”

Restaurante José Maria e o Conchinillo de Segóvia

Estava programado em nosso roteiro um almoço no restaurante José Maria para comermos o famoso Leitão de Segóvia, o Conchinillo.

Durante os preparativos li muito que seria bom fazer a reserva, como acabei não ligando pra eles, fui fazer a reserva ao chegar na Plaza Mayor que fica perto. Era perto de meio-dia e ao chegar lá não haviam hordas de clientes e o gerente falou que poderíamos chegar a qualquer hora para o almoço.

img_2483

Feito isso fomos visitar a Catedral de Segóvia e o Alcázar. Continuar lendo “Restaurante José Maria e o Conchinillo de Segóvia”

Ayutthaya, Antiga Capital da Tailândia

Cidade Histórica, antiga capital do Reino de Sião, atual Tailândia, Patrimônio Mundial da Humanidade da UNESCO, Ayutthaya foi um lugar em que estávamos na dúvida se visitavamos ou não. E olha que para eu ficar na dúvida de visitar um Patrimônio Mundial da Humanidade da UNESCO é porque tinha que ter motivos muito bons, pois gosto muito e de montão. Acontece que era final de Viagem e estavamos cansados de turistar e estudar sobre um Roteiro do Sudeste Asiático para os Grupos que organizo e levo em Viagens pelo Mundo, onde agora tenho mais este Roteiro, que nasceu de uma Viagem Fantástica de 17 dias por Tailândia e Camboja e que tive o prazer e a honra de estar com minha Irmã Araunã, Nãnã para os chegados. Nesse dia, acordamos, tomamos o Café da Manhã e resolvemos ir. Estávamos hospedados em Silom (Bangkok), perto do Metrô. Perguntamos na recepção como chegar e partimos para a Estação Ferroviária.

IMG_1512

IMG_1454

Sabíamos que era um bate-volta puxado e, sinceramente, talvez valha a pena alugar um carro com motorista, desde Bangkok, porque mesmo sem o trânsito da cidade o trem foi bem cansativo e se estiver em dois e resolver reservar o vagão com ar-condicionado, o carro com motorista pode ficar mais barato. Muita gente vai no trem numa tarifa baratinha, mas não tem lugar marcado, podendo ficar em pé e sem ar-condicionado. A verdade é que vai do orçamento de cada um, né? Mas pra mim, que organizo e levo Grupos, tem que ser de transporte privado, pois andar de nesse trem é bem diferente de andar de Trem na Europa, por exemplo. Continuar lendo “Ayutthaya, Antiga Capital da Tailândia”

Garmisch-Partenkirchen é cheia de Atrações.

Garmisch-Partenkirchen é uma cidade na Alta Baviera e uma das cidades alpinas mais bacanas que conheço. Passear pelo seu centrinho apreciando os Alpes que a circundam, sentar na pracinha para fazer anotações no seu diário de bordo ou apenas assistir o (pouco) movimento da cidade é uma delícia!

img_5475

Mas Ga-Pa (para os íntimos) é ainda mais! Localizada aos pés do ponto mais alto da Alemanha, o Zugspitze, a cidade permite dois tipos de passeios muito agradáveis, o passeio pela cidade em si e a subida ao Zugspitze, que tem neve o ano inteiro e é um passeio repleto de atrações. O Zugspitze, que também é conhecido como “O Topo da Alemanha” está a 2.966 metros acima do nível do mar! Continuar lendo “Garmisch-Partenkirchen é cheia de Atrações.”