Porto Seguro, Bahia

Por volta do ano 1000, as Tribos Indígenas Tapuias que habitavam a região foram expulsas para o interior do continente devido a chegada dos povos Tupis que vieram da Amazônia. No século 16, quando chegaram os primeiros portugueses, Porto Seguro era habitada pela Tribo Tupi dos Tupiniquins.

Porto Seguro 2020 (17)Porto Seguro 2020 (8)Porto Seguro 2020 (11)

Porto Seguro está na região tida, oficialmente, como a primeira em que chegaram os Navegadores Portugueses no atual território brasileiro. Em 22 de abril de 1500, o navegador Pedro Álvares Cabral avistou terra firme após ter deixado a costa africana um mês antes. O lugar avistado foi o Monte Pascoal que fica 62 km ao sul de Porto Seguro, no dia seguinte os Portugueses desembarcar em terra firme pela 1ª vez no atual território brasileiro, em local que ainda não foi decidido pelos historiadores. No dia 24 de Abril a expedição ancorou em Porto Seguro. A cidade teve sua primeira pequena Fortaleza levantada em 1504. Continuar lendo “Porto Seguro, Bahia”

Ponta do Corumbau – Bahia

A Ponta do Corumbau está em meu post de Caraíva. Fiz esse post aqui porque são muitas fotos e faria com que o outro, de Caraíva e Corumbau ficasse muito cheio! Lá Você encontra de modo mais claro tudo que tem para fazer na região. Acontece que pouca gente vai “para Corumbau”. As Pessoas ficam em Caraíva e tiram um dia para Corumbau em um Passeio de Bugre.

Caraiva e Corumbau 2020 (21)

No Passeio a Ponta do Corumbau podemos avistar o Monte Pascoal, aquele que gerou o grito “TERRA A VISTA”, quando os Portugueses chegaram ao Brasil, também fazemos uma visita a uma Aldeia Indígena, mas com casas normais, não sendo aquele Passeio a uma Aldeia Típica (este eu fiz próximo a Porto Seguro/Arraial d’Ajuda). Também tem uma parada num local chamado Prainha, onde passa o Rio Caraíva.

Para visitar a Ponta do Corumbau você precisa contratar um Bugre. Você tem que ir, porque é incrível! Nível: IMPERDÍVEL. Continuar lendo “Ponta do Corumbau – Bahia”

Reserva Pataxó da Jaqueira

RESERVA INDÍGENA PATAXÓ DA JAQUEIRA

É um Passeio imperdível e muito bem organizado. Uma Aldeia Indígena típica, onde eles falam um pouco da História e do momento atual (aqui entra um certo ponto de vista Político), tem uma pequena apresentação, então uma trilha de pouco mais de 1km onde um Índio ou Índia mostram como funcionavam as armadilhas de caça. Na trilha ainda fazemos uma parada para comer umas frutas e outra no pequenino Museu. Então voltamos a Aldeia onde é servido um Peixe Maravilhoso e é farto, viu? Dá para comer e sair de lá almoçado! O Passeio se encerra com uma passada na loja de Artesanato e no Arco e Flecha!

Aldeia Indigena - Porto Seguro 2020 (25)

Foi uma Manhã SENSACIONAL e INESQUECÍVEL. Continuar lendo “Reserva Pataxó da Jaqueira”

Praia do Espelho e Trancoso

Meu plano era ir a Praia do Espelho a pé desde Caraíva, mas pelos motivos descritos abaixo, desisti. Acabei fazendo de carro alugado, partindo de Arraial d’Ajuda, e foi Ótimo! Acabei conseguindo incluir uma visita a Trancoso no mesmo dia! Top!

Praia do Espelho e Trancoso 2020 (14)

PRAIA DO ESPELHO

Muita gente fala da Trilha a Pé para a Praia do Espelho, saindo de Caraíva. Quis fazer mas desisti porque: Continuar lendo “Praia do Espelho e Trancoso”

Arraial d’Ajuda é uma Delícia

Escolhi Arraial d’Ajuda como base para visitar a região e foi uma ótima escolha. O Centrinho é uma delícia, as Praias são agradáveis e a estrutura de Pousadas Excelentes.

Aldeia Indigena - Porto Seguro 2020 (17)

Arraial dAjuda 2020 (23)

Arraial dAjuda 2020 (10)

O nome, de tradição cristã, foi uma homenagem a Tomé de Sousa (1503 – 1579) (aqui) e aos primeiros Jesuítas (aqui) que aqui chegaram em 1549, com suas três naus: Conceição, Salvador e Ajuda, que viriam a ser nomes de suas primeiras Igrejas. Foi inicialmente chamada de Arraial de Nossa Senhora d’Ajuda, em homenagem à Santa Padroeira. Aos poucos o nome foi sendo reduzido e na criação legal do distrito ficou Distrito de Arraial d’Ajuda.

Assim como toda a Costa do Descobrimento Arraial d’Ajuda faz parte do Patrimônio Mundial da Humanidade da UNESCO.

Continuar lendo “Arraial d’Ajuda é uma Delícia”

Cinque Terre com base em La Spezia

O nome Cinque Terre vem dos Cinco Lugarejos na costa da Riviera Lígure, no Mar da Ligúria. De norte à sul as Cinque Terre são compostas pelos vilarejos de Monterosso al Mare, Vernazza, Corniglia, Manarola e Riomaggiore, compondo mais um Patrimônio Mundial da Humanidade da UNESCO da Itália.

Italia - Cinque Terre - Vernazza 2019 (9)Italia - Cinque Terre - Vernazza 2019 (4)Italia - Cinque Terre - Vernazza 2019 (13)

VIAJA DAQUI ou O que fazer na Cinque Terre:

Depois de algumas idas nas Cinque Terre (“Cinco Terras”) considero que fazer todas no mesmo dia é bem possível, principalmente, se trocar o almoço por um lanche. Mesmo apenas com o lanche não dá para ficar se demorando em cada Terre. Repito: “Considere não sentar para almoçar neste dia e não enrole”. Outra sugestão é abrir mão de uma das Cidadelas, sendo que as que considero imperdíveis são: “Monterosso e Venazza”. No mais, se tiver dois dias para fazer as Cinque Terre terá toda a tranquilidade e tempo do Mundo para conhecer todas muito bem. Continuar lendo “Cinque Terre com base em La Spezia”

Palácio Rundale, Obra Prima Barroca na Letônia

Se for de Vilnius para Riga ou vice-versa e tiver condições de parar no Palácio Rundale, faça isso. Fica no caminho entre Vilnius e Riga, sendo o mais importante Palácio Barroco da Letônia, também é conhecido como a Versailles do Báltico e um dos mais importantes Monumentos Históricos do País. Construído na década de 1730 pelo mesmo arquiteto responsável pelos desenhos dos Palácios de Inverno e de Verão ambos em São Petersburgo, serviu de residência de Verão para o Duque da Curlândia.

Riga 2019 (27)

Riga 2019 (10)

Atualmente este palácio virou um museu que pode ser visitado durante todo o ano e, também é utilizado para acomodar líderes de nações estrangeiras em visita ao país.

História do Palácio Rundale: aqui.

Riga 2019 (15)

Riga 2019 (22)

Riga 2019 (23)

Riga 2019 (12)

Riga 2019 (8)

Riga 2019 (7)

Riga 2019 (9)

Riga 2019 (4)

Riga 2019 (25)

Riga 2019 (6)

Vale muito a pena incluir esse Pit-Stop caso tenha tempo!

Veja outros posts que têm tudo a ver com Palácio Rundale e os Países Bálticos nos links abaixo:

TALLINN – ESTÔNIA

MOSCOU

Gostou? Deixa suas dicas, dúvidas, críticas ou elogios nos comentários, por favor. Obrigado de coração pela visita no Viaja Daqui.

Konstanz, no Lago Constança

Texto e Pesquisa: Rodrigo Zanette

Konstanz ou Constança (nome em português) é uma cidade universitária ao Sul da Alemanha, sendo a maior no entorno do Bodensee. Próxima à fronteira com a Suíça, a cidade carrega características culturais do vizinho. Nos dias de sol, é possível até ver os alpes suíços a partir do porto da cidade. A culinária local é uma mistura de influências. Você vai encontrar pratos tipicamente alemães, como salsichas e batatas, alguns ingredientes e receitas vindos da Suíça, como os deliciosos queijos, e vários pratos com peixe, graças à proximidade com o lago.

Konstanz - Constanca - Alemanha 2019 (5)

Konstanz teve grande importância histórica através dos anos, estando localizada no meio de rotas importantes de comércio entre a Itália, França e Leste Europeu, se tornando um importante empório para o comércio de pele, roupas e especiarias do século 11 ao 14. Continuar lendo “Konstanz, no Lago Constança”

Mainau, A Ilha da Flores

Texto e Pesquisa: Rodrigo Zanette

A Ilha de Mainau, ou Ilha das flores é uma das grandes atrações turísticas na fronteira com a Áustria e a Suíça, atraindo milhões de visitantes todos os anos. Um fato curioso é que apesar de estar em um lago da Alemanha, Áustria e Suíça, a Ilha de Mainau é propriedade da Familia Real Sueca.

Mainau - Alemanha 2019 (14)

Em 45 hectares uma enorme variedade de flores, árvores e plantas, jardins maravilhosos. Suas preciosidades incluem árvores extravagantes e algumas até bastante raras: é o caso da “tília victoria”, plantada em 1862 pelo grão-duque em homenagem ao nascimento de sua filha, ou da bizarra acácia-do-japão, que tem também quase 150 anos. Continuar lendo “Mainau, A Ilha da Flores”

A Ilha de Capri

A Ilha de Capri se encaixa perfeitamente em um bate-volta desde Sorrento, que é como costumo fazer. Muitos fazem de outros locais como Nápoles, outros dormem por lá. Pra mim, um dia cheio por lá é suficiente. O Barco sai de Sorrento perto das 9h e volta às 18h45, com uma Viagem de cerca de meia-hora. Dá tempo de chegar e fazer o incrível passeio em volta da Ilha, conhecido como Giro dell’Isola, subir até o Monte Solaro, o ponto mais alto da Ilha, passear por Anacapri e por Capri. Eu sempre acabo pulando a Gruta Azul porque leva mais tempo e depende da maré.

Costa Amalfitana - Capri 2020 (6)

Costa Amalfitana - Capri 2018 (21)

A Ilha de Capri, está localizada no Golfo de Nápoles, onde estão situadas duas cidades: a Vila de Capri, que fica acima da Marina Grande e a Vila de Anacapri, localizada mais a leste no ponto mais alto desta Ilha Mediterrânea de origem calcária e com grandes falésias. Capri é famosa desde os tempos do Império Romano, tendo sido residência do Imperador Tibério (42 a.c. à 37 d.c.) (aqui) por dez anos. Continuar lendo “A Ilha de Capri”