Siem Reap, a Porta de Entrada para os Templos de Angkor

Esta cidade do Camboja é o destino mais popular do país com uma grande oferta de hotéis e restaurantes, cortada pelo Rio Siem Reap é a porta de entrada para os milhares de turistas que chegam de todas as partes do mundo para conhecer os Templos de Angkor.

IMG_9226

20171126_125225
Nosso Piloto em toda a Viagem. Fizemos os Templos de Angkor com o carro dele com Ar-Condicionado. Indico: HENG +85586368839

A cidade tem um importante e belo aeroporto internacional, porém, é um local repleto de pessoas simples, casas humildes e ruas de terra. Afinal, o Camboja é um país bem pobre, onde falta saneamento básico e a queda de luz é bem comum.

Apesar dos problemas vemos um Povo Honesto e Muito Educado e Simpático. O Camboja foi Paixão a Primeira Vista para mim e minha Irmã. Nós Amamos o Povo, o Hotel em que nos Hospedamos, a movimentação e agitos da Pub Street e os Templos de Angkor. Tudo lá foi Nota 1000.

VIAJA DAQUI ou O que fazer em Siem Reap:

Na cidade o que é mais legal é curtir a Noite, pois, durante o dia, ela fica vazia com as hordas de Turistas visitando os Templos de Angkor, quando anoitece a Pub Street ferve com pessoas do mundo todo, centenas de Tuk-Tuk te perguntando se quer Tuk-Tuk e o mercado Psar Chas.

IMG_9286IMG_927120171130_131154

Minha Primeira Atração Turística a destacar é o Povo Cambojano. A princípio pode parecer que vem coisa um tanto depreciativa por aqui, mas, muito pelo contrário. Eu e minha Irmã Araunã, Nãnã para os íntimos, nos sentimos EXTREMAMENTE BEM ACOLHIDOS. Incrível como um país pobre com um povo pobre consegue ter pessoas tão símpaticas e educadas. O tempo todo estão nos perguntando “Como estão se sentindo?”; “Tiveram um bom dia?”; “Está tudo bem?”. Chego a ficar emocionado aqui escrevendo. Saímos APAIXONADOS PELO CAMBOJA E MUITO DEVEMOS AO POVO CAMBOJANO!

Muito Obrigado de coração!

 

 

O Point em Siem Reap é a Pub Street! Que na verdade, fica em mais de uma rua, mas numa área bem central e pequena. Muitos bares e restaurantes, música tocando e um monte de gente. Nos sentimos num lugar de Ponto de Encontro de Turistas do Mundo inteiro. Incrível!

Por aqui encontramos a famosa Draft Beer, que é uma caneca de chopp que custa só US$ 0,50, enquanto uma garrafa de cerveja custa entre US$ 4 e US$ 5. Tudo lá é pago em dólar e não precisa se preocupar em trocar seu dinheiro pela moeda local.

Outra coisa curiosa na Pub Street é a quantidade de Tuk-Tuks te oferecendo seus serviços… é impressionante, a gente vai passando e todos os motoristas vão te oferecendo… “Tuk-Tuk”; “Tuk-Tuk”, “Tuk-Tuk”… se tiver dez enfileirados, dez te oferecerão… hahaha… haja paciência… por isso que tem aquela camisa com os dizeres “I don’t want a f@#%* Tuk-Tuk”.. hehe…

O Psar Chas ou Old Market ou Mercado Antigo está bem no centro de Siem Reap e é bem interessante e perfeito para Você comprar suas lembraças do Camboja, com roupas, camisetas estampadas e artesanatos bem em conta. Tem de tudo e o lema é pechinchar, aliás, em qualquer lugar do Camboja e Tailândia o negócio é pechinchar, mas tome cuidado para não exagerar, porque as vezes R$ 5 para a gente não é nada, mas para eles pode ser a refeição de um dia para toda a família. Sou meio contra quem exagera na pechincha, vi uns Turistas bem desagradáveis por lá, desvalorizando o trabalho dos nativos de modo que me incomodava e os deixavam bem chateados. A Pub Street fica nas ruas em volta do mercado. Fica praticamente tudo junto: Pub Street e Old Market. Fomos nele todos os dias.

 

Nosso Hotel, também, merece destaque no post de Siem Reap. Sensacional. Quarto grande com Ar-Condicionado, Frigobar, Ótimo Banheiro, Piscina Excelente com Bar, Ótimo Café da Manhã e um atendimento FANTÁSTICO. Talvez, o Hotel que mais me agradou até hoje. De surpresa, ainda apareceram com uma Torta, depois, do café da manhã e cantaram Parabéns para minha Irmã que estava aniversariando. Foi Demais!!! Fora que um Mojito, que custa US$ 3 na beira da Piscina. EXCELENTE. Ainda farei um post próprio para o Central Suite Residence com o vídeo do “Parabéns para Você” que cantaram para minha Irmã. Foi a melhor hospedagem da Minha Vida!

Outras Atrações em Siem Reap:

Wat Preah Prom Rath é bem colorido, mas confesso que já tinha visto muito Templo desse estilo na Viagem, então, foi apenas mais um Templo. Por isso, apesar de termos ido, colocamos como “Outras Atrações”, pois, também, nem se compara a Espetacular Experiência nos “Templos de Angkor”, objetivo principal dos dias em Siem Reap. Este Templo é meio Budista, meio Hindu.

Wat Thmei: Fica à 3km do centro, ele está fora do Roteiro Turisticão, mas pelo que entendi vale a pena visitar se não formos à capital cambojana, Phnon Penh. Nele encontramos parte da História do Regime Ditadorial do Khmer Vermelho (Khmer Rouge). Nele estão fotos, ossos e uma estupa sobre cinzas e restos mortais de pessoas que pereceram nesta época difícil do Camboja. Pelo que li, o ambiente é relativamente pesado.

Resumidamente, o Khmer Vermelho governou o Camboja, entre 1975 e 1979, e seu episódio mais marcante foi quando invadiu a capital Phnon Penh, sob um lema de “Não existe benefício em mantê-lo. Não existe prejuízo em destruí-lo”. Pelas contas o genocídio, durante o Regime Khmer, levou a Vida de mais de 2.000.000 de seres humanos. Para ler mais sobre o Khmer Vermelho clica aqui.

Museu das Minas Terrestres e o Museu da Guerra: Ficam no caminho do aeroporto. Nele encontrará tanques de guerra, aviões, helicópteros e muito mais objetos das épocas das Guerras do Vietnã e do Khmer Vermelho.

Museu Nacional de Angkor: Pouco visitado, li que é um Museu que explica muito bem sobre a História de Angkor e que é um Excelente Museu Temático. Milhares de peças que foram levadas para lá, de modo a não serem roubadas. Existe uma sala com 1000 Budas, acredite. Proibido fotos. Preço: US$ 12. Visite o Site clicando aqui.

Para concluir, quero mandar meu Muito Obrigado ao Povo Cambojano e a este lugar Inesquecível. E Fica a Dica “Se for para o Sudeste Asiático coloque o Camboja em seu Roteiro e Seja Muito Feliz”. Bom! Foi assim comigo e minha Irmã!

Veja outros posts do VIAJA DAQUI que têm tudo a ver com o Camboja nos links abaixo:

BOM DIA CARINHOSO DA ÁSIA

AYUTTHAYA, ANTIGA CAPITAL DA TAILÂNDIA

Gostou? Deixa suas dicas, dúvidas, críticas ou elogios nos comentários, por favor. Obrigado de coração pela visita no Viaja Daqui.

 

7 comentários em “Siem Reap, a Porta de Entrada para os Templos de Angkor

  1. Muito interessante as fotos e o que você explica sobre o Camboja. Agora só falta conferir.
    Camboja que me aguarde.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s