Chamonix e suas Montanhas

Localizada no coração dos Alpes Franceses está uma das mais importantes e famosas instâncias turísticas de inverno da Europa, Chamonix tem o famoso maciço Mont Blanc ou Monte Branco em seu território com 4.810 metros de altidude.

É uma Cidade Alpina deliciosa porque ela é cercada de imensas Montanhas Alpinas. Fui no Inverno e, particularmente, adorei Chamonix.

Alpes Franceses - Celular 2019 (126)

Alpes Franceses 2019 (308)

Alpes Franceses - Celular 2019 (118)

Alpes Franceses - Celular 2019 (67)
Da varanda do Hotel. Tente reparar no tamanho dos flocos!

No centro da cidade um monumento homenageia aquele que é considerado por muitos como o Pai do Alpinismo, Horace-Benedict do Susurre (1740 – 1799) (aqui), junto ao Guia Jacques Belmat (1762 – 1834) (aqui), que lhe aponta o cume do Monte Branco.

Continuar lendo “Chamonix e suas Montanhas”

Megève e sua História

A cidadela de Megève fica no coração dos Alpes Franceses e ficou famosa quando a Família Rothschild (aqui) passou a usá-la como destino de férias com o intuito de fazer concorrência a St. Moritz, na Suíça, que ficava repleta de Alemães entre as duas Grandes Guerras Mundiais. Megève ganhou muitos hotéis, entre eles um dos símbolos da Cidade, o Hotel Mont d’Arbois. Logo depois, muitos chalés em madeira com grandes quartos e varandas começaram a ser construídos no local. Assim, nascia o modelo de cidade que serviria de Estações de Inverno de Luxo.

Alpes Franceses 2019 (153)

Para entender o quanto Megève é voltada para o Turismo e o Esqui, ela tem 3.800 habitantes e recebe 90.000 Turistas no Inverno. No Verão as coisas não param, é a vez dos Alpinistas. Continuar lendo “Megève e sua História”

A Deslumbrante Região de Berchtesgaden

Já conheço muitos lugares lindos no Mundo e sem pestanejar coloco esta região da Alemanha entre os Top 10. Situo Berchtesgadener Land e o Lago Königsee em tão nobre posição, porque trata-se de uma unanimidade entre quem visita estas paragens e por suas particularidades. Entre os traços encontramos a mistura de Lagos e Montanhas Alpinas, Barcos Elétricos e Natureza Preservada. Berchtesgaden é puro deleite sem intervalos. Um Passeio de Dia Inteiro que a gente nem vê passar! Imperdível!

Salzburg, Berchtesgaden, Hallstatt (348)

Apesar de ficar na Alemanha é mais fácil visitar a região a partir da Áustria, mais precisamente de Salzburg, de onde um bate-volta se encaixa como uma luva. Outra informação importante é que já estive lá na Primavera e no Outono e o lugar é lindo em ambas as estações. Na Primavera vemos um pouco de neve nos picos das Montanhas, enquanto no Outono aquelas Montanhas só na pedra oferecem outro belíssimo espetáculo. Continuar lendo “A Deslumbrante Região de Berchtesgaden”

Annecy, a Veneza dos Alpes

As margens do Lago Annecy, a cidade é frequentemente chamada de A Veneza dos Alpes.

Com os sensacionais Maciços de Bauges ao sul e Bornes a leste, separada pelo Lago de planícies a norte e oeste, Annecy ocupa uma importante posição estratégica nas Rotas da Itália, Suíça e França.

Alpes Franceses - Celular 2019 (14)

Por causa de sua posição é uma das cidades dos Alpes Franceses com mais História para contar, tendo sido habitada desde o Neolítico (Idade da Pedra Polida – século X a III a.c.). No século I a.c. os Romanos criaram ali um povoado chamado Boutae. Com a queda do Império Romano o local passou a sofrer muitos ataques dos germânicos, burgúndios e francos, o que deixou o local extremamente inseguro, fazendo com que sua população fugisse da cidade. Somente no século XI uma nova cidade voltou a se formar na margem do Rio Thiou, junto a uma Torre de Defesa que, no século XIV, viria a se tornar o Castelo de Annecy.

Continuar lendo “Annecy, a Veneza dos Alpes”

A “Simpática” Capela dos Ossos, em Hallstatt!

Imagino que o amigo e amiga leitores do VIAJA DAQUI estejam se perguntando: Mas porque o Vladimir definiu uma Capela de Ossos como “Simpática”? Calma… eu não sou nenhum adorador de caveiras, não. Quero distância. Acontece que a Beinhaus ou Casa dos Ossos, na tradução ao pé da letra, fica numa Igreja de 1181, atrás de um pequenino e lindo cemitério, que proporciona mais uma linda vista de Hallstatt, Patrimônio Mundial da Humanidade da Unesco. Para completar, as caveiras são pintadas, em honra e nome das famílias. Eu achei simpática! Será que não é normal? Hehe..

img_0061

Bom, talvez não seja, pois esta foi a terceira Capela de Ossos que visitei, as outras foram em Roma (ainda sem post) e Évora (aqui). Continuar lendo “A “Simpática” Capela dos Ossos, em Hallstatt!”

Hallstatt é merecidamente um Patrimônio Mundial da Humanidade

Está aí uma cidade que é um Patrimônio Mundial da Humanidade da UNESCO no quesito Paisagens Naturais que merece todos os elogios. Obrigado, Hallstatt, pelos dias espetaculares que proporcionou a mim e a todos o grupos que levei e levo a ti.

Hallstatt 2016 (55)

Sempre de carro, como bate-volta de Salzburg. A Viagem de carro já é uma beleza passeando pelo Salzkammergut e seus mais de 70 lagos, a estrada segue por montanhas, cidadezinhas e muitos lagos. Quando começamos a nos aproximar o cenário dá uma mudada e tanto, montanhas altas refletem na água, que se torna um imenso espelho natural. Para finalizar, para entrar em Hallstatt você vai passar por um túnel bem estreito, a sensação é que estamos entrando em Shangri-La, a misteriosa terra oculta dos Himalaias, só que na Áustria.

Continuar lendo “Hallstatt é merecidamente um Patrimônio Mundial da Humanidade”

Saltz Welten, uma aventura na Mina de Sal Mais Antiga do Mundo!

Com nada menos do que 7.000 anos de existência, numa cidade que é Patrimônio Mundial da Humanidade da UNESCO, Hallstatt, num local bem remoto está a Saltz Welten, a Mina de Sal Mais Antiga do Mundo.

img_0156

Conhecer esse lugar foi uma experiência única em que você deve investir. O passeio é sensacional, repleto de escorregas radicais e curiosidades. Você vai conhecer uma mina na sua mais pura essência. Vale ressaltar que o passeio não é aconselhável para quem tem dificuldade de locomoção e sofre de claustrofobia.

Continuar lendo “Saltz Welten, uma aventura na Mina de Sal Mais Antiga do Mundo!”

Visitando Innsbrück, na Áustria.

Nós fomos à Innsbrück, na Áustria, em um belíssimo bate-volta, que saiu às 15h de Garmisch-Partenkirchen, passou em Mittenwald e terminou em Innsbrück. Era primavera e o dia ia até às 22h, por isso deu tempo.

img_4454

Minha preocupação era que Innsbrück fosse relativamente grande, as vezes os mapas nos enganam, mas, em duas horas, visitamos alguns dos pontos principais da cidade, lanchamos e voltamos para nossa base. Como não tínhamos intenção de subir em nenhuma de suas montanhas, pois a primeira parte do dia foi para o Zugspitze, o Topo da Alemanha, o tempo foi mais do que suficiente. Ou seja, na primavera, deu tempo de subir o Zugspitze, e, à partir das 15h, sair de Garmisch, fazer um pit-stop em Mittenwald e ainda conhecer Innsbrück. Dia Excelente! Continuar lendo “Visitando Innsbrück, na Áustria.”