Bologna é Garantia de Ótima Comida

Texto e Pesquisa: Daniela Riso Klein.

Bologna é a maior cidade e também capital da região da Emilia Romagna. Seus primeiros registros são dos etruscos e datam aproximadamente de 510a.c.

Bologna - Bolonha - Italia 2018 (25)

Esta comuna italiana, com seus quase 40km de elegantes pórticos externos que nos permitem caminhar por praticamente toda a cidade sem nos preocuparmos com qualquer repentina mudança climática, também é conhecida por seus apelidos: La Dotta (a sábia) pois ali encontra-se a mais antiga universidade do mundo ainda em funcionamento, fundada em 1088, onde estudou Nicolau Copérnico; La Rossa (a vermelha) por suas construções em tons de terra; e La Grassa (a gorda) pelo seu famoso molho à bolonhesa (ragù).  Não se pode sair de lá sem comer um de seus principais pratos: tagliatelle al ragù. Continuar lendo “Bologna é Garantia de Ótima Comida”

Florença é um Museu a Céu Aberto

Florença, em italiano Firenze, é a capital e maior cidade da Toscana. Considerada o Berço do Renascimento Italiano (aqui) e uma das cidades Mais Belas do Mundo. Concordo.

Banhada pelo Rio Arno, a cidade de Florença ou Firenze é conhecida por ser um verdadeiro Museu a Céu Aberto em sua mais pura essência, em especial onde fica a Piazza della Signoria.

Em Florença, nasceu Dante Alighieri (1265 – 1321) (aqui), autor da Divina Comédia (aqui), um marco da literatura universal e da língua italiana. Florença já é povoada, desde a época dos Etruscos (povos pré-romanos), tendo sido governada pelos Médicis (aqui), do século XV ao século XVIII. Muitos Papas nasceram em Florença. Continuar lendo “Florença é um Museu a Céu Aberto”

Costa Amalfitana! Uma Joia Italiana

A Costa Amalfitana destaca-se por suas riquíssimas belezas naturais. Patrimônio Mundial da Humanidade da UNESCO é frequentada há tempos por celebridades, milionários e turistas do mundo todo. Seus precipícios, a cor do mar e suas casas nas montanhas oferecem um cenário digno de cinema. A Costa Amalfitana é frequentada e adorada no modo “Turismo”, desde os tempos do Império Romano.

Costa Amalfitana - Estrada 2019 (1)

Costa Amalfitana - Positano 2019 (14)

Costa Amalfitana - Estrada 2019 (12)

As águas que vemos quando estamos por lá são do Golfo de Salerno e do Mar Tirreno. A Costa Amalfitana tem 60 km de extensão e possui 13 cidades. São elas:

Reserva Pataxó da Jaqueira

RESERVA INDÍGENA PATAXÓ DA JAQUEIRA

É um Passeio imperdível e muito bem organizado. Uma Aldeia Indígena típica, onde eles falam um pouco da História e do momento atual (aqui entra um certo ponto de vista Político), tem uma pequena apresentação, então uma trilha de pouco mais de 1km onde um Índio ou Índia mostram como funcionavam as armadilhas de caça. Na trilha ainda fazemos uma parada para comer umas frutas e outra no pequenino Museu. Então voltamos a Aldeia onde é servido um Peixe Maravilhoso e é farto, viu? Dá para comer e sair de lá almoçado! O Passeio se encerra com uma passada na loja de Artesanato e no Arco e Flecha!

Aldeia Indigena - Porto Seguro 2020 (25)

Foi uma Manhã SENSACIONAL e INESQUECÍVEL. Continuar lendo “Reserva Pataxó da Jaqueira”

Arraial d’Ajuda é uma Delícia

Escolhi Arraial d’Ajuda como base para visitar a região e foi uma ótima escolha. O Centrinho é uma delícia, as Praias são agradáveis e a estrutura de Pousadas Excelentes.

Aldeia Indigena - Porto Seguro 2020 (17)

Arraial dAjuda 2020 (23)

Arraial dAjuda 2020 (10)

O nome, de tradição cristã, foi uma homenagem a Tomé de Sousa (1503 – 1579) (aqui) e aos primeiros Jesuítas (aqui) que aqui chegaram em 1549, com suas três naus: Conceição, Salvador e Ajuda, que viriam a ser nomes de suas primeiras Igrejas. Foi inicialmente chamada de Arraial de Nossa Senhora d’Ajuda, em homenagem à Santa Padroeira. Aos poucos o nome foi sendo reduzido e na criação legal do distrito ficou Distrito de Arraial d’Ajuda.

Assim como toda a Costa do Descobrimento Arraial d’Ajuda faz parte do Patrimônio Mundial da Humanidade da UNESCO.

Continuar lendo “Arraial d’Ajuda é uma Delícia”

Cinque Terre com base em La Spezia

O nome Cinque Terre vem dos Cinco Lugarejos na costa da Riviera Lígure, no Mar da Ligúria. De norte à sul as Cinque Terre são compostas pelos vilarejos de Monterosso al Mare, Vernazza, Corniglia, Manarola e Riomaggiore, compondo mais um Patrimônio Mundial da Humanidade da UNESCO da Itália.

Italia - Cinque Terre - Vernazza 2019 (9)Italia - Cinque Terre - Vernazza 2019 (4)Italia - Cinque Terre - Vernazza 2019 (13)

VIAJA DAQUI ou O que fazer na Cinque Terre:

Depois de algumas idas nas Cinque Terre (“Cinco Terras”) considero que fazer todas no mesmo dia é bem possível, principalmente, se trocar o almoço por um lanche. Mesmo apenas com o lanche não dá para ficar se demorando em cada Terre. Repito: “Considere não sentar para almoçar neste dia e não enrole”. Outra sugestão é abrir mão de uma das Cidadelas, sendo que as que considero imperdíveis são: “Monterosso e Venazza”. No mais, se tiver dois dias para fazer as Cinque Terre terá toda a tranquilidade e tempo do Mundo para conhecer todas muito bem. Continuar lendo “Cinque Terre com base em La Spezia”

São Paulo Cultural e Gastronômico

SÃO PAULO
Grupo: 10 à 15 Pessoas.
Dias: 3.
Quando: O ano todo.

Olá!
Tudo Bem?

Convido Vocês para uma Viagem pela maior cidade do Brasil! São Paulo é repleta de Atrativos, Cultura e ótima Gastronomia.

Nossa Viagem por São Paulo já começa na manhã de sexta-feira chegando para almoçar no Eataly. Depois do almoço temos City Tour pela Avenida Paulista e visita ao MASP. Se houver algum grande Musical na cidade na época da Viagem, este será incluído como opcional. Caso não haja colocaremos mais algum ótimo restaurante na Farra.

No sábado vamos ao melhor Museu que conheço no Brasil, na minha opinião, a Pinacoteca é um Museu com nível Europeu. Nesta manhã também vamos a Estação da Luz, e o trio com o espetacular Presépio Napolitano, Museu de Arte Sacra e a Capela do Frei Galvão, onde se encontra as famosas Pílulas do Frei Galvão. O almoço será no incrível Mercadão de São Paulo, onde os carros chefes são o Sanduíche de Mortadela e o Pastel de Bacalhau, além de diversos produtos para comprar, particularmente, sempre compro muitas azeitonas! Na parte da tarde fazemos outro City Tour pela Catedral da Sé e o Centro Histórico de São Paulo. À noite temos um jantar no Restaurante Coco Bambu.

Chegou domingo e vamos para um Passeio no Parque do Ibirapuera. Antes de voltar pra Casa almoçamos no Restaurante Juca Alemão especializado em comida Alemã como o Eisbein e o Wiener Schnitzel.

Nosso Roteiro conta com transportes exclusivos, guias especializados em São Paulo, hospedagem em ponto estratégico na Avenida Paulista ou arredores, visita a alguns dos mais famosos pontos de Gastronomia e aos principais Museus, além de todo o conforto que pode ser oferecido para que sua única preocupação seja contemplar toda a grandeza paulistana.

VEJA TODOS OS GRUPOS PELO BRASIL CLICANDO ABAIXO:

Grupos BRASIL com o VIAJA DAQUI

Continuar lendo “São Paulo Cultural e Gastronômico”

Chapada dos Veadeiros, Brasília e Pirenópolis

CHAPADA DOS VEADEIROS, BRASÍLIA e PIRENÓPOLIS
Grupo: 10 a 15 Pessoas.
Dias: 9.
Quando: Março a Outubro.

Olá!
Tudo Bem?

O Centro do Brasil nos permite conhecer a famosa Chapada dos Veadeiros, a Nossa Capital repleta de Palácios, bons restaurantes e Arquitetura Moderna, Brasília, além de uma pequena Cidade com Estilo Colonial e Deliciosa, falo de Pirenópolis, que é puro deleite!

Nossa Viagem começa com um voo curto até Brasília. Ao chegar já visitamos o lugar onde tudo começou. Foi do Catetinho, uma Casa de Madeira, fora do Centro, onde o Presidente Juscelino Kubitschek despachava e de lá ia a cavalo acompanhar a obra do que seria a nova Capital do Brasil. No mesmo dia ainda visitamos o Memorial JK e a Torre de TV, ambos no Eixo Monumental. Nesse dia teremos uma ótima noção de como tudo começou por ali. À Noite saímos para jantar no ótimo Coco Bambu, especializado em Camarão.

O segundo dia é totalmente dedicado ao Eixo Monumental e teremos a exata noção daquilo que sempre vimos apenas pela telinha da televisão. Conhecemos a Esplanada dos Ministérios, a Catedral de Brasília, o STF, o Palácio do Planalto, o Palácio Itamaraty, o Congresso Nacional, a Praça dos Três Poderes. Vamos nos programar para conhecer todos por dentro em Visitas Guiadas. Cidade projetada por Oscar Niemeyer, Brasília faz parte do Patrimônio Mundial da Humanidade da UNESCO. Havendo tempo ainda visitamos o Santuário Dom Bosco, neste dia. À noite mais um jantar, dessa vez no Mangai, especializado em Comida Nordestina, especialmente a Carne de Sol.

Acordamos e seguimos para a Chapada dos Veadeiros. Antes mesmo de nos Hospedarmos visitamos o Vale da Lua. Nos cinco dias que temos por essa Maravilha que também faz parte do Patrimônio Mundial da Humanidade da UNESCO, onde ficamos hospedados em Alto Paraíso, visitamos o Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros, Saltos do Rio Preto, Cachoeiras Almécegas I e II, Cataratas dos Couros e Cachoeira Loquinhas. A Chapada tem atrações sem fim e o Pessoal de lá diz que se quiser passar sessenta dias por lá, terá sessenta Passeios para fazer. O que vale é que os principais estão aqui, no Roteiro.

Chegamos à Noite em Brasília e no dia seguinte fazemos um Bate-Volta para uma Cidadela que Adoro, trata-se de Pirenópolis. Uma Cidade Histórica que mantém o ar Colonial e que nos remete as Históricas Paraty e Tiradentes. Sou muito fã de “Piri” e espero que agrade a Vocês tanto quanto a mim. Por lá visitamos a Igreja Matriz de Nossa Senhora do Rosário, Igreja Nosso Senhor do Bonfim, Largo da Ponte da Pedra, Rua Rui Barbosa, Praça do Coreto, Museu do Divino na Antiga Cadeia Pública, Rio das Almas e ainda experimentamos o famoso Empadão Goiano, eita Beleza! Então teremos mais um dia para Brasília, visto que marco nosso voo de volta para Casa no fim do Dia, logo, poderemos fazer outros pontos da Capital, sendo a prioridade o Palácio da Alvorada, que será visitado apenas por fora e a Ponte JK.

As Pessoas sempre me perguntam se é muito pedreira por conta dos dias na Chapada e neste caso digo que o dia que pode ser um pouco mais puxado é o dia que fazemos o Saltos do Rio Preto, que tem uma caminhada mais longa, mas sem dificuldades. Avisando que caso alguém queira interromper antes do fim, haverá companhia para retornar. Fora este Passeio os outros dias são bem tranquilos para quem tem o hábito de Viajar comigo. Veja o Roteiro no fim do post com o Grau de Dificuldade e a Quilometragem que caminhamos dia a dia.

O Ecoturismo será uma realidade a partir de agora e a Natureza mista do interior da Bahia com suas Ilhas é Sensacional. Quero levar todo Mundo nessa!

VEJA TODOS OS GRUPOS PELO BRASIL CLICANDO ABAIXO:

Grupos BRASIL com o VIAJA DAQUI

Continuar lendo “Chapada dos Veadeiros, Brasília e Pirenópolis”

Chapada Diamantina e Salvador

CHAPADA DIAMANTINA
com City-Tour em Salvador
Grupo: 10 à 20 Pessoas.
Dias: 7.
Quando: Março a Novembro.

Olá!
Tudo Bem?

Sabe aquele lugar onde as Pessoas gostam tanto que sempre voltam? Pois é, a Chapada Diamantina, no interior da Bahia, é um desses lugares. À propósito o nome já é lindo: Chapada Diamantina!

As pessoas dizem que se tiver 30 Dias para a Chapada fará 30 Passeios diferentes tamanha a quantidade de Atrativos.

Mas, como em qualquer lugar tem aquelas Atrações mais relevantes e, claro, estão todas no Nosso Roteiro.

As Pessoas me perguntam se é muito pedreira por conta de ter Trilhas e sempre repito que, exceto o Passeio do primeiro dia, onde se anda mais, todos os outros dias são bem tranquilos para quem está acostumado a Viajar comigo. Para quem quiser abrir mão do primeiro dia pode contratar outro Passeio ou apenas ficar curtindo Lençóis. Veja o Roteiro no fim do post com o Grau de Dificuldade e a Quilometragem que caminhamos dia a dia.

Na Chapada Diamantina visitamos a Cachoeira da Fumaça, Cachoeira do Mosquito, Cachoeira do Buracão, Grutas, Morro do Pai Inácio, Poço do Diabo, Poço Azul e Poço Encantado.

Na volta dormimos em Salvador e fazemos um City Tour pelo Pelourinho, que faz parte do Patrimônio Mundial da Humanidade da UNESCO e almoçamos em um ótimo restaurante, especializado em Camarão que pode ser o Donana ou o Coco Bambu, antes de voltarmos pra Casa.

O Ecoturismo será uma realidade a partir de agora e a Natureza da Chapada Diamantina é perfeita. Bora Lá!

VEJA TODOS OS GRUPOS PELO BRASIL CLICANDO ABAIXO:

Grupos BRASIL com o VIAJA DAQUI

Continuar lendo “Chapada Diamantina e Salvador”

Boipeba, Morro de SP e Salvador

BOIPEBA e MORRO DE SÃO PAULO
com City-Tour em Salvador
Grupo: 10 a 15 Pessoas.
Dias: 7.
Quando: Março, Abril, Maio, Outubro, Novembro e Dezembro.

Olá!
Tudo Bem?

Sombra e Água Fresca? É o que temos nessa Viagem.

Ótima Gastronomia? Temos também.

Um lugar que poucas Pessoas vão para ficar? Também tem. Boipeba ainda é um refúgio pouco conhecido e visitado.

Passeio de Lancha, Ostras, Carona em Quadriciclo, Mergulho? Ô, se tem.

Nosso Oba-Oba começa desembarcando em Salvador e o transfer para Boipeba. Em Boipeba fazemos o Passeio de Lancha em volta da Ilha de Boipeba em um dia e, no outro, Caminhamos pelas lindas Praias de Boipeba, antes de seguir para Morro.

Em Morro de São Paulo fazemos o Passeio de Lancha em volta da Ilha de Tinharé num dia e temos um Dia Livre para curtir o Astral de Morro de São Paulo.

Como Morro de SP e Boipeba são Ilhas e diferentes/separadas, também usamos Lancha para nos deslocar por lá. Contando os Passeios em volta das Ilhas teremos cinco dias com Lancha no Roteiro.

Acordamos e voltamos para Salvador onde e almoçamos no restaurante Donana ou Coco Bambu, ambos especializados em Camarão, também fazemos um City-Tour pelo Pelourinho que faz parte do Patrimônio Mundial da Humanidade da UNESCO.

O Ecoturismo será uma realidade a partir de agora e a Natureza das Ilhas Baianas combinam perfeitamente com tudo isso!

VEJA TODOS OS GRUPOS PELO BRASIL CLICANDO ABAIXO:

Grupos BRASIL com o VIAJA DAQUI

Continuar lendo “Boipeba, Morro de SP e Salvador”