Pipa como bate-volta de Natal

Fomos à Pipa, num esquema de bate-volta, saindo de Ponta Negra. Sinceramente, não achei que valeu a pena, foi cansativo e pelo que consta o esquema de Pipa é mais à noite, azaração. Chegamos por lá, passeamos pela praia, comemos atum e ostras e voltamos para Natal, onde estávamos hospedados.

img_6532

Como disse, na minha visão, não valeu a pena. Tá certo que eu fiquei

um pouco enjoado, na estrada, mas acontece que esperava outra coisa do lugar, que fica num local acidentado.

img_6495img_6504img_6506img_6509img_6510

img_6512
A estrada é muito bonita

O caminho na estrada é bom e tem alguns bons lugares que merecem um pit-stop para umas fotos. Fomos eu, a Jô, meu grande amigo Celso, no volante, e sua esposa Elaine.

img_6514img_6516img_6517img_6528img_6531img_6536img_6537

Paramos o carro, andamos pelas Praias, sentamos para desfrutar um belo filé de atum, algumas ostras, um drink, e, quando vimos, já era hora de voltar.

Só preparei esse post para procurar mostrar que não vale a pena, fazer Pipa, em esquema de bate-volta. O melhor é que fique por lá, pelo menos uma noite. Agora é com você!

Veja outros posts que têm tudo a ver com Pipa, Genipabu e Natal.

Gostou? Deixe suas dicas, dúvidas, críticas ou elogios nos comentários, por favor.

Anúncios

Um comentário sobre “Pipa como bate-volta de Natal

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s